amor e morte

Anúncios
    • anali
    • 18 de dezembro de 2010

    a mulher de preto é um luxo bom

  1. Sim. Mas, uma pena que, sem querer, por amor, ela acabou desviando a atenção do seu filho, vilão/anti-herói/mocinho (?) Ricky, e seu comparsa num momento crucial. Isso reforça o tom trágico da história. A câmera lenta e a canção, belíssima na voz de Günther Kaufmann, que nem chegou a atuar nessa película, são também apoteóticas! Em minha opinião, tendo assistido uns vinte e poucos filmes de Fassbinder, certamente se trata de uma das mais bonitas cenas finais, ainda que não seja considerada uma das suas maiores ou principais obras.

  1. No trackbacks yet.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: